Actividades

A APFISIO foi promotora do I Congresso de Fisioterapia do Atlântico, que decorreu na Lagoa, ilha de São Miguel, de 9 a 11 de Novembro e contou com a presença de fisioterapeutas do continente, Açores, Madeira, Cabo Verde e Canárias.

O evento constituiu um espaço de partilha de experiências profissionais, promovendo o convívio entre fisioterapeutas e especialmente a divulgação de uma fisioterapia efetiva, assente cada vez mais numa prática baseada em evidência. 

A nossa colega Andreia Rocha participou na Mesa 5 - Fisioterapia em Contextos Emergentes com o tema "Turismo de Saúde - O termalismo na Região Autónoma dos Açores" em co autoria com o colega Luís Miguel Cordeiro.

     

A WOTA 1 e 2 são dois instrumentos que foram desenvolvidos pela Fisioterapeuta Ruth Tirosh, com o objetivo de avaliar a adaptação mental do nadador e sua função no meio aquático, baseado no método de Halliwick. Numa área de intervenção do Fisioterapeuta de grande importância é fundamental objetivar e medir resultados. Nesse sentido, a validação destes instrumentos para a realidade portuguesa permite que os fisioterapeutas portugueses que trabalham em pediatria possam aferir os seus resultados e a evolução dos seus utentes. Este trabalho foi possível com o apoio dos vários elementos do GIFA e dos colegas que se disponibilizaram a participar nas várias etapas do processo de validação. Em particular, António Marques, Conceição Graça, Maria João Oliveira, Sara Malato, Sofia Cravosa, Mónica Miranda, Francisco Fortunato e os autores do estudo Sónia Vicente, Helena Murta, César Sá e Joana Oliveira. Os resultados foram apresentados em junho deste ano no 3º Congresso do Centro de Investigação Interdisciplinar Egas Moniz e o artigo com os resultados foi submetido para publicação.

Realizou-se no dia 20 de maio de 2018, nas Piscinas Municipais do Pinhal Novo, a ação de formação intitulada “Prevenção de Lesões na Natação”. Esta ação teve como objetivo, entre outros, formar treinadores de natação, nadadores e Fisioterapeutas, relativamente às linhas orientadoras de aquecimento, recuperação e prevenção de lesões em natação, estabelecidas no "Manual Prático Mais Natação com Futuro". Tendo sido organizada pelos Fisioterapeutas Helena Murta (Presidente do GIFA) e Nuno Pina (Membro do CDN da APFisio), em estreita colaboração entre a Federação Portuguesa de Natação e a Palmela Desporto, através da "Unidade Fisiodesportiva" (U.F.D.) e da "Forphysio". O formador Nuno Pina apresentou as "diretrizes" relativamente ao planeamento do trabalho neuro-músculo-esquelético complementar ao treino do nadador.

    

Decorreu no dia 20 de Maio no Pavilhão Municipal de Odivelas, o Workshop "Hidroterapia em Piscina Municipal - Partilha de uma abordagem multidisciplinar", tendo o GIFA sido representado pelo nosso Vice-Presidente, o Fisioterapeuta César Sá, o qual realizou uma palestra sobre a "Fisioterapia em Meio Aquático: Passado, Presente e Futuro". A APFISIO esteve também representada por um elemento do CDN, a Fisioterapeuta Paula Campos Jorge.
Foi um ótimo momento de partilha entre os presentes, tendo-se mostrado as boas práticas do trabalho em meio aquático.
Um especial agradecimento à Fisioterapeuta Isa Ferreira, que nos fez o convite para estarmos presentes, e também ao Doutor Rui Santos, Director Técnico da Piscina Municipal de Odivelas que nos recebeu de forma muito acolhedora.

Cumprimentos Aquáticos

César Sá

Vice-Presidente do GIFA

Decorreu no passado fim de semana de 21 e 22 de Abril, na Piscina Municipal de Ovar e Hospital de Ovar, o 2º Curso de fisioterapia aquática em pediatria do GIFA, que contou com a presença de vários fisioterapeutas da região centro e norte do país. O curso foi leccionado pelas Fisioterapeutas Ana Moreira, Helena Murta e Joana Oliveira, com uma forte componente prática.
O GIFA agradece a imprescindível colaboração, "in loco", do membro da Direção: Fisioterapeuta Conceição Graça, que permitiu agilizar todo o processo de organização, nomeadamente entre o GIFA e locais onde decorreu a formação, bem como a seleção das crianças para as sessões práticas e o excelente patrocínio dos lanches pela Liga dos Amigos do Hospital e da Confeitaria Pão de Ló Cruz, que permitiu que todos experimentassem o maravilhoso pão de ló de Ovar.
O Conselho Diretivo representado pela Enf. Diretora Mariana Fragateiro acolheu a iniciativa com valorização da fisioterapia aquática como uma estratégia determinante de qualidade de vida.
A avaliação da formação, pelos formandos, foi "excelente",sendo que os pontos fortes de mesma foram a componente prática e a competência das formadoras e para o futuro sugerem mais tempo de curso e formações na área da Fisioterapia Aquática para séniores e grávidas.
A todos os que participaram um "bem haja" e esperamos que possam por em prática tudo o que adquiriram nesta formação, nós GIFA, estaremos sempre presentes para vos apoiar no que for preciso. 
Abraço Aquático!

Helena Murta

Presidente do GIFA

Go to top
Template by JoomlaShine